Search

Viver com Presença - Um ingrediente mágico

Updated: May 12

Para uma receita de vida realizada, abundante e feliz, o ingrediente mais necessário é a "presença". Parece algo simples, bem ao nosso alcance, mas que tanto escasseia no nosso dia-a-dia.



Vivemos acelerados numa rotina que nos absorve

Dominados por gestos automáticos e palavras banais

Passamos pelas coisas sem as notar

Ouvimos os outros sem verdadeiramente escutá-los

Rotinamos um contínuo programado ao minuto

Preenchidos por agendas sobrepostas

Desdobramo-nos em lugares, presenças e momentos

Sentindo éfemeros instantes de preenchimento e realização

com os quais procuramos preencher os nossos vazios

Sonhamos com as férias que um dia virão

Guardamos memórias que um dia iremos revisitar

Acumulamos informação que um dia iremos aprofundar

Anotamos momentos e experiências que um dia queremos viver

Compramos bens que esperam o dia em que os vamos usufruir

E mais importante que tudo isso

Adiamos gestos, palavras, afectos, silêncios e emoções

Para um dia em que o tempo corra menos veloz

O relógio não pára, a passagem do tempo é inevitável.

Quero viver a lentidão que cria memórias

Saboreando, em câmara lenta, a beleza de segundos irrepetíveis

Ritualizando gestos que guardo na minha passagem

Conecto-me com a minha essência

Sinto-me momentaneamente suspensa num tempo que parece eterno

Nutro-me de amor e harmonia

Gravo este instante e agradeço

este PRESENTE da vida.


Vive com presença, entregue a cada momento, ao que está a acontecer, com total foco e consciência. Como se o relógio parasse nesse instante e nada mais interessasse. São esses os momentos saboreados que ficam na memória de uma vida plena e feliz.


Partilho a inspiração de Milan Kundera em que tanto me revejo:

«Há um laço secreto entre lentidão e memória, entre velocidade e esquecimento. Tomemos uma situação das mais banais: um homem caminha pela estrada. Por instantes, procura recordar-se de alguma coisa que, no entanto, lhe escapa. Então, instintivamente, ralenta o passo... Na matemática existencial esta experiência assume a forma de duas equações elementares: o grau de lentidão é diretamente proporcional à intensidade da memória; o grau de velocidade é diretamente proporcional à intensidade do esquecimento


#viveropresente #vidafeliz #inspiração

2 views0 comments

Recent Posts

See All